Yuri do Paredão confirma que foi expulso do PL após reunião com presidente nacional do partido

Foto: Divulgação

O deputado federal cearense Yuri do Paredão confirmou que será expulso do PL. O comunicado foi divulgando nesta quinta-feira, 20, após reunião com o presidente nacional do partido, Valdemar Costa Neto.

“Hoje estive com o presidente do PL Valdemar Costa Neto, o qual me afirmou que serei expulso do partido”, disse. “Respeito a decisão do presidente. E agradeço a oportunidade dada na eleição de 2022”, escreveu. 

Tudo começou pois, de acordo com Costa Neto, “o parlamentar licenciado pareceu não comungar com os ideais do Partido Liberal”. 

A decisão de investigá-lo por infidelidade ocorreu logo após Yuri posar para foto “fazendo o L” nas redes sociais, ao lado de ministros do governo Lula (PT). Além disso, o deputado vem participando abertamente de eventos com o governador Elmano de Freitas (PT) e mencionando o petista em fotos postadas na internet.

Mais notícias