Lula/Ucrânia: ‘é urgente que países não envolvidos encaminhem negociação de paz’

Lula
Foto: Ricardo Stuckert

Neste dia em que a invasão da Ucrânia pela Rússia completa um ano, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi às redes sociais renovar os apelos de paz. Para o presidente, os países não envolvidos no conflito, como o Brasil, devem encaminhar uma negociação pelo fim da guerra.

“No momento em que a humanidade, com tantos desafios, precisa de paz, completa-se um ano da guerra entre a Rússia e a Ucrânia. É urgente que um grupo de países, não envolvidos no conflito, assuma a responsabilidade de encaminhar uma negociação para restabelecer a paz”, publicou o presidente no Twitter nesta sexta-feira, 24.

No final de março, Lula vai à China e, na reunião bilateral com o presidente do país asiático, Xi Jinping, vai pedir a participação de Pequim – hoje aliada de Moscou – na negociação de paz.

Agência Estado

Mais notícias