Pesquisar
Pesquisar
Close this search box.

Zanin toma posse como ministro do STF

Brasília (DF), 03/08/2023, Sessão solene de posse do novo ministro da Corte, Cristiano Zanin, no Supremo Tribunal Federal (STF). Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

O indicado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) para uma cadeira no Supremo Tribunal Federal (STF), Cristiano Zanin, tomou posse nesta sexta como ministro da Corte. Ele deve ficar no tribunal até 2050, quando completa 75 anos.

A cerimônia foi realizada na sede do Supremo, com mais de 500 pessoas dentro e fora do plenário. Participaram da solenidade o presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, e os presidentes da Câmara, Arthur Lira (PP-AP), e do Congresso, senador Rodrigo Pacheco (PSD-MG).

A solenidade foi protocolar, com breve discurso de boas-vindas da presidente do STF, Rosa Weber. O novo magistrado foi conduzido ao plenário pelo ministro mais novo da Corte, André Mendonça, e pelo decano Gilmar Mendes. Depois, Zanin jurou respeitar a Constituição e assinou o termo de posse. Em seguida, a presidente da Corte, Rosa Weber, declarou Zanin oficialmente ministro do STF.

‘Cultura jurídica’ e ‘preparo técnico’

A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Rosa Weber, fez uma série de elogios ao novo integrante da Corte, Cristiano Zanin, nesta sexta-feira. A fala foi durante a posse do novo ministro.

Rosa Weber disse que Zanin tem “cultura jurídica, preparo técnico e experiência” que enriquecerão o tribunal. O novo ministro foi indicado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva, de quem foi advogado.

Após a cerimônia, Zanin irá a uma festa organizada pela Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB) em sua homenagem – como é de praxe após a posse de ministros. Os ingressos variam de R$ 500 a R$ 900 e são esperadas 400 pessoas, entre autoridades e convidados pessoais.

Agência Estado

Mais notícias