Turismo alavancou a economia no País em 2022; Fortaleza celebra números do setor

Foto: Davi Pinheiro/Divulgação

O setor de serviços foi o grande responsável pela alta do PIB em 2022, quando o Brasil registrou um crescimento de 2,9% em sua economia, segundo divulgou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O crescimento do setor de serviços, dentro do qual está incluído o turismo, foi de 24% no período. A Secretaria Municipal do Turismo (Setfor) celebra os crescimentos percebidos na capital cearense, a partir dos indicadores dos setores direta ou indiretamente envolvidos.

Os números do setor hoteleiro, por exemplo, demonstram isso. De acordo com a Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Ceará (ABIH-Ce), de janeiro de 2022 a janeiro de 2023, a ocupação hoteleira em Fortaleza cresceu 2,25 pontos percentuais. No último Réveillon, a taxa de ocupação registrada na capital cearense superou os 92%, quando no ano anterior ficou abaixo dos 85%. No Carnaval 2023, esse número foi de 81,12% no Município, contra 70,83% do ano passado.

“Estamos tendo uma ótima recuperação, com resultados muito positivos. No caso do carnaval, especificamente, a gente conseguiu, inclusive, superar a ocupação do ano de 2020, que foi o último carnaval antes da pandemia”, conta Régis Medeiros, presidente da ABIH-Ce. “Por conta dessa movimentação, também conseguimos voltar a contratar no ritmo que tínhamos anterior a essa crise sanitária”, afirma.

O setor de bares e restaurantes também voltou a admitir novos funcionários. Na alta temporada mais recente, foram 15 mil contratos temporários em Fortaleza. Para o presidente da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes no Ceará (Abrasel), Taiene Righetto, apesar de ainda não poder falar em recuperação total do setor, ela vem acontecendo. “O faturamento tem crescido bastante, a alta temporada foi muito positiva, mas a recuperação do setor ainda vai demorar um bom tempo, o que é natural”, considera.

O secretário do Turismo de Fortaleza, Alexandre Pereira, celebra o desempenho cada vez mais positivo do setor na cidade. “Felizmente, o turismo vem se recuperando em Fortaleza e isso pode ser constatado a olhos vistos. Na última alta estação, por exemplo, a Beira-Mar estava sempre lotada. Você ia a um restaurante e, muitas vezes, tinha de esperar para conseguir uma mesa. Nas barracas da Praia do Futuro, o movimento também foi muito intenso”, observa. “No Réveillon e no Carnaval foi o mesmo: os hotéis com taxas de ocupação acima de 90%, os setores movimentados pelo turismo – como os taxistas, hotéis e pousadas, bares e restaurantes, entre tantos outros, operando a todo vapor”, enfatizou.

As informações são da Prefeitura de Fortaleza

Mais notícias