Pesquisar
Pesquisar
Close this search box.

Laboratório cearense Argos traz tecnologia de R$ 2 milhões para o diagnóstico do câncer

Laboratório. Foto: Divulgação

O laboratório Argos Patologia, de Fortaleza, traz para o Norte e Nordeste uma nova tecnologia para o diagnóstico do câncer.

O painel intitulado Argen50, com tecnologia NGS – Sequenciamento de Nova Geração, do inglês Next-Generation Sequencing – trará mais agilidade na realização de testes moleculares para o direcionamento preciso do tratamento oncológico, possibilitando maiores chances de cura.

“Os painéis de tecnologia NGS, que nós chamamos de Sequenciamento da Nova Geração, investiga de forma muito ampla quais são os alvos terapêuticos específicos em pacientes com câncer, dando a esse paciente um tratamento mais específico, mais eficiente, e com menos possibilidades de terem dano a outras células do corpo, já que permite a possibilidade de uma droga que vai agir diretamente na célula com câncer”, explica Juliana, coordenadora técnica do Argos.

 

Mais notícias